Leilões do Arizona: o primeiro teste ao mercado



Quedas de 2018 e 2019 serão travadas este ano?

Com a mega-venda (mais de 1.950 automóveis) da Barrett-Jackson, iniciou-se a Semana Automóvel do Arizona, que no total integra oito leilões, onde serão vendidos milhares de Clássicos. Muitos a preços "comuns". Outros não tanto. É um primeiro teste, a um mercado que nos dois últimos anos veio a cair.
Para além da Barrett, nos próximos dias, a MAG Auctions, a Leake Auctions, Russo and Steele, Worldwide Auctioneers, Bonhams, RM/Sothebys e a Gooding & Company levarão a leilão mais de três mil automóveis.
Algumas tendências dos últimos anos têm continuidade em 2020: a presença de super-desportivos modernos nos catálogos e a ausência de verdadeiras raridades, que prometam valores excepcionalmente altos.
É certo que as estrelas da Bonhams (um Alfa Romeo 8C 2300 carroçado por Figoni), da RM/Sothebys (um Ferrari 250 GT Cabrio, Serie I, de 1958) e da Gooding (outro Ferrari, um 500 Superfast, de 1965) deverão ser vendidas por milhões, mas até poderão não ser os mais caros da semana.
Dois Ferrari F50, de 1995 – não sendo, portanto, para já verdadeiros Clássicos –, até poderão vir a ser os mais caros. Um é colocado à venda pela Gooding & Company. O outro – o primeiro F50 a ser exibido ao público, no Salão de Genebra – é proposto pela Worldwide Auctioneers.
Mas, como dissemos, também haverá à venda automóveis para os "comuns mortais". Para além de centenas de modelos de origem norte-americana, a preços "normais", há sempre, em qualquer catálogo um Clássico a um preço acessível.
A Gooding, por exemplo, tem em catálogo um Austin A35, de 1957, por 18 mil dólares, enquanto que a RM apresenta um DeLoren DMC-12, de 1982, por 40 mil dólares, e a Bonhams anuncia um Chrysler LeBaron, de 1986, que foi de Lee Iacocca… por 20 mil dólares.

Como sempre, a Semana do Arizona tem automóveis para todos os gostos… e bolsas.
Leilões do Arizona: o primeiro teste ao mercado Leilões do Arizona: o primeiro teste ao mercado Reviewed by Auto Vintage on 14.1.20 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.