ARVW: 40 anos do Volkswagen "esquecido"



Continua a ser o modelo mais aerodinâmico alguma vez construído pela marca.

Estávamos no final da década em que apareceram projectos como o Mercedes-Benz C-111, o Ferrari Pininfarina Modulo, o Maserati Italdesign Boomerang e, até, o Lancia Stratos Zero, criado pela Bertone. Culminando essa busca da eficiência energética, a Volkswagen criou o ARVW, "esquecido" durante quatro décadas.
Como a própria marca afirma agora em comunicado, o ARVW "continua a ser o modelo mais aerodinâmico alguma vez construído com o emblema da VW".
Nascido, como os seus congéneres, na ressaca da crise petrolífera dos anos 70, a Volkswagen apostou para a criação do seu Aerodynamic Research (daí o nome ARVW) num motor turbo-diesel, de 2,4 litros, distribuídos por seis cilindros em linha, que debitava 179 cavalos.
Com apenas 84 centímetros de altura, um 1,1 metros de largura e cinco metros de comprimento, o ARVW tinha na aerodinâmica o seu forte, com um Cx de 0,15 e uma área frontal de apenas 0,73 metros cúbicos.

Criado por uma equipa liderada pelo designer Emil Pommer, não pesando mais do que 800 quilos, graças à utilização de materiais como o alumínio e o poliester, em Outubro de 1980 foi levado para a pista de Nardò, onde atingiu a velocidade máxima de 362km/h.


Ferrari Modulo


Maserati Boomerang


Mercedes-Benz C-111


Lancia Stratos Zero
ARVW: 40 anos do Volkswagen "esquecido" ARVW: 40 anos do Volkswagen "esquecido" Reviewed by Auto Vintage on 12.5.20 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.