A difícil escolha do "Best of the Best"

classic cars, automóveis antigos, clássicos, vintage


Oito candidatos a um prémio que será anunciado em Fevereiro.

A ideia surgiu em 2015 e partiu de Michael Kadoorie, proprietário dos mais importantes hotéis de Hong Kong e este ano vencedor de Pebble Beach: colocar em competição os vencedores dos principais concursos de elegância do mundo e eleger o "Best of the Best". O vencedor será conhecido em Fevereiro.
Promovido pela cadeia de hotéis Peninsula, o anúncio do vencedor do "Best of the Best Award" será feito no Peninsula de Paris, a 6 de Fevereiro.
Reunindo os "Best of Show" do Salon Privé, do Amelia Island Concours, do Cavallino Classic, do Goodwood Cartier Style et Luxe, do Chantilly Arts & Elégance, do Concours of Elegance Hampton Court Palace, do Pebble Beach Concours e do The Quail, a reunião destes oito automóveis só pode ser algo de excepcional.
Em concurso estarão modelos de cinco nacionalidades diferentes, que vão de 1919 a 1958:
Talbot-Lago T26 Grand Sport Coupé Figoni et Falaschi, de 1948, Mercedes-Benz 540 K Autobahn-Kurier, de 1938, Ferrari 335 S Spyder Scaglietti, de 1958, Abarth 205 Berlinetta Vignale (design de Michelotti), de 1950, Bentley 8 Litre Foursome Coupe Freestone & Webb, de 1931, Rolls-Royce Silver Ghost Torpedo Skiff Barker, de 1919, Bentley 8 Litre Dual Cowl Tourer Gurney Nutting, de 1931, e Stutz DV32 Convertible Victoria LeBaron, de 1931.

Verdadeiras peças de arte, qualquer uma delas merecedora do título de "Best of the Best".
A difícil escolha do "Best of the Best" A difícil escolha do "Best of the Best" Reviewed by Auto Vintage on 17.12.19 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.