"Jamais Contente": eléctrico… e Clássico



A 29 de Abril de 1899 atingiu os 105,88km/h.

Numa altura em que tanto se fala da (muito discutível…) conversão de veículos Clássicos em eléctricos, recordamos um veículo eléctrico… e Clássico. O "Jamais Contente", que, faz hoje 121 anos, estabeleceu o recorde mundial de velocidade, atingindo os 105,88 km/h.
Construído pela Compagnie Generale Belge des Transports Automobiles, o "Jamais Contente" foi o projecto de vida do conde belga Camile Jenatzy, o homem que conduziu o bólide naquele dia 29 de Abril de 1899.
Com forma de obus, dotado de dois motores Postel-Vinay com 50 kW (cerca de 68 cv), alimentados baterias Fulmen, equipado com pneus Michelin, nos terrenos do Parque de  Achères, em Yvelines, nas proximidades de Paris, o "Jamais Contente" foi o primeiro veículo automóvel a ultrapassar a barreira dos 100 km/h.

Hoje está guardado no Museu do Automóvel, em Compiègne, no Norte de França.
"Jamais Contente": eléctrico… e Clássico "Jamais Contente": eléctrico… e Clássico Reviewed by Auto Vintage on 29.4.20 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.