Duesenberg e Alfa dividem louros



Amelia Island consagrou dois automóveis dos anos 30.


Antecipado em 24 horas, devido à ameaça de mau tempo, o Concurso de Elegância de Amelia Island consagrou como Best of Show de 2017 o Duesenberg Model SJ-582 Torpedo Phaeton, de 1935, ao mesmo tempo que atribuiu o título Best of Show do Concurso de Desportivos ao Alfa Romeo 8C 2900B Lungo Spider, de 1939.
No total, repartidos por inúmeras categorias, foram 320 veículos (para além de automóveis, também motos) os concorrentes à 22ª edição de Amelia Island.
Propriedade do norte-americano Terence Adderley, o Duesenberg Model SJ é um dos cinco que foram produzidos, entre 1929 e 1937, na configuração Torpedo Phaeton, seguindo o desenho de Gordon Buehrig.
O vencedor de Amelia Island foi o penúltimo a ser fabricado, carroçado pela A. J. Walker Company.
Já o Alfa Romeo 8C 2900B Lungo Spider, que faz parte da Dano Davis Collection, é um automóvel com uma história que praticamente só é conhecida após 1949, ano em que o brasileiro Mário Tavares Leite o importou de Itália para o seu país.
Ao tempo, não era apenas um automóvel de corridas: era o mais avançado, moderno e competitivo que se poderia comprar.
No Brasil, o novo proprietário venceu algumas provas, em 1949 e 1950. Depois, foi alvo de modificações (chegou a ter montado um motor de um Corvette), estado em que foi encontrado, anos mais tarde, na Argentina.

Só décadas depois é que recuperou o seu motor de origem e foi restaurada a sua carroçaria Touring.

Foto: Amelia Island Concours
Duesenberg e Alfa dividem louros Duesenberg e Alfa dividem louros Reviewed by Auto Vintage on 14.3.17 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.