Gastar… sem levantar asas



Leilão da Bonhams em Paris apenas teve três automóveis vendidos a mais de um milhão de euros. 


É certo que se venderam três automóveis por mais do que um milhão de euros (já lá vamos), mas o leilão da Bonhams, realizado ontem no Grand Palais de Paris, esteve longe dos tempos de "loucura" dos preços altos. Até se poderá dizer que o mercado está moderado…
Vendendo quase uma centena dos 131 automóveis que constavam do leilão – sem comprador ficaram peças como o Jaguar E Lightweight, de 1962, que estava estimado em €250.000, ou o Alfa Romeo 6C Pescara, de 1934, com um mínimo de €550.000 – os preços médios da venda britânica situaram-se na média do mercado ou, até, aquém desta.
O Mercedes 300SL Gullwing leiloado – de matrícula holandesa e não portuguesa, como poderá parecer aos mais distraídos – acabou por mudar de mãos por um milhão de euros, ou seja, longe do recorde para este modelo.
Também os desportivos leiloados não foram para preços astronómicos, como o Renault 5 Turbo Tour de Corse (ex-fábrica) a atingir o valor de €195.500 e o Lancia Stratos de 1977 a chegar aos €374.350.
Por entre este panorama, os "campeões" do leilão da Bonhams acabaram por ser dois modelos da indústria britânica: o Aston Martin Ulster, de 1935, vendido por dois milhões de euros, e o Bentley S1 Continental, de 1957, que ultrapassou o milhão em 70 mil euros.
No total, foram movimentados cerca de 15 milhões de euros.


Aston Martin Ulster Sports, de 1935



Bentley S1 Continental, de 1957


Fotos: Bonhams
Gastar… sem levantar asas Gastar… sem levantar asas Reviewed by Auto Vintage on 10.2.17 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.