À grande e à… americana



Leilões de Monterey deverão movimentar quase 400 milhões de dólares.

Com um programa cada vez mais amplo, também na vertente dos leilões a Monterey Car Week, que tem lugar na próxima semana, não pára de aumentar. Este ano realizam-se ali seis leilões, que prometem movimentar quase 400 milhões de dólares.
Mecum Auctions, Bonhams, Worldwide Auctioneers, Russo and Steele, Gooding & Company e RM/Sotheby's, são as seis leiloeiras presentes, levando para a California cerca de 1.400 automóveis.
Seguindo a tendência crescente de incluir automóveis exclusivos modernos nos catálogos que à partida seriam só para Clássicos – automóveis como o Pagani Huayra Roadster,  de 2017, o LaFerrari, de 2014, ou o McLaren F1 LM-Specification, de 1994 –, é entre os mais antigos que estão as peças mais interessantes e aquelas que poderão vir a atingir maior valor.
De características bem diferentes entre si, todas as leileiras têm as suas "vedetas", sendo as da Russo and Steele um Tojero Barchetta, de 1952 (automóvel que inspirou a criação do AC Ace e do Shelby Cobra) e um Cobra 289, que os vendedores esperam venha a ultrapassar o milhão de dólares.
A Mecum aposta, como sempre, na quantidade, mas mesmo assim também tem automóveis raros, como um Allard J2 Roadster e o protótipo Ferrari 0432M, até agora propriedade do donos da leiloeira.
A "jovem" Worldwide Auctioneers tem um catálogo vasto e rico, sendo o modelo mais raro o eléctrico Riker Electric Stanhope, de 1898, enquanto que a Bonhams destaca dois modelos dos anos 50: o Fiat 8V Supersonic, de 1953, e o Porsche RSK (center-seat) Spyder, de 1959.
As vendas mais importantes, no entanto, deverão ser levadas a cabo pela RM/Sotheby's (só modelos Ferrari há 52 automóveis em catálogo), não sendo de esquecer modelos como o Porsche Type 64 ou o Aston Martin DB5 "Bond Car".

Leileira oficial da Elegância de Pebble Beach, a Gooding & Company tem um catálogo que rivaliza com a RM, sem com curiosidade que se aguarda a licitação do Ferrai 312T, de 1975, carro que Niki Lauda levou à vitória no G.P. de França desse ano.
À grande e à… americana À grande e à… americana Reviewed by Auto Vintage on 6.8.19 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.