O cinquentenário 914



A história do "casamento de conveniência" entre a Porsche e a Volkswagen.

É um dos cinquentenários neste ano de 2019 e chegou a esta idade com muitos a gostarem dele e outros a detestarem-no. O Porsche 914, apresentado em Frankfurt em 1969, é um marco na história da marca. Para o bem ou para o mal.
Diz a história oficial que a concepção do 914 apenas teve lugar pela amizade que ligava os então líderes da Porsche (Ferry Porsche) e da Volkswagen (Heinz Nordhoff, que faleceria ainda antes da apresentação do 914).
A meio da década de 60, a Porsche necessitava de um sucessor para o seu modelo mais barato, o 912, e a Volkswagen procurava um substituto para o já cansado Karmann-Ghia.
As duas marcas acordaram em desenvolver um modelo desportivo, de motor central, refrigerado a ar.
O resultado final foi o modelo de 1.7 litros, distribuídos por quatro cilindros, que debitava 85 cavalos, e um outro de dois litros, seis cilindros e 125 cavalos, o 914-6.
Nos termos do acordo entre as duas marcas, na Europa os 914 seriam comercializados pela Volkswagen. Nos Estados Unidos pela Porsche.

No final da sua vida, em 1976, tinham sido vendidos cerca de 120 mil exemplares, três quartos deles nos Estados Unidos.
O cinquentenário 914 O cinquentenário 914 Reviewed by Auto Vintage on 10.1.19 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.