Monte Real: a festa da Regularidade



Feito o balanço de 2016, apresentadas novidades para 2017.


O Classic Clube de Portugal, promotor do Campeonato Nacional de Ralis de Regularidade Histórica (CNRRH) levou a cabo em Monte Real a sua festa anual de consagração dos participantes (sim, não foram só os primeiros a ser premiados…) no "Nacional" da modalidade.
Contando com a presença de todos os clubes organizadores, a que se associou, uma delegação da FPAK, liderada pelo seu presidente, a cerimónia de Monte Real serviu, é certo, para premiar os três primeiros de cada uma das classes, o pódio da tabela absoluta, os mais jovens e a primeira senhora, mas também os "totalistas", ou seja, aqueles que participaram em todas as provas de 2016.
A ocasião foi entretanto aproveitada para apresentar a temporada de 2017, que tem algumas novidades. A primeira delas diz respeito ao organizador da primeira prova, o V Rali Histórico Vila da Sertã, que será promovido pelo novel Lusitânia Automóvel Clube, dirigido por António Ramos.
No que diz respeito à segunda prova, organizada pelo Automóvel Clube de Tomar, a novidade é o facto de a prova mudar da Cidade dos Templários para Torres Novas, passando a denominar-se Rali de Torres Novas Histórico.
Com o Rali Queima das Fitas e o Rainha Santa (assim como, no final do Campeonato, o Vidreiro Histórico) a manterem-se idênticos a 2016, a terceira novidade é a inclusão de uma sexta prova, o Rali Santa Joana, que terá organização do Vouga Sport Club, sob a direcção desportiva do Clube Automóvel Clássico da Feira.

Sendo o reforço da segurança, nas palavras de Paulo Almeida, líder do Classic Clube, a principal preocupação para 2017, o CNRRH promete manter a vitalidade que o tem caracterizado, com um número médio de mais de 50 automóveis à partida de cada prova.
Monte Real: a festa da Regularidade Monte Real: a festa da Regularidade Reviewed by Auto Vintage on 16.1.17 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.