Surpresas no RallySpirit



Chuva provocou reviravolta nas classificações finais.

Eduardo Veiga-Justino Reis, em Ford Escort MK II, foram os mais rápidos no RallySpirit Altronix e, consequentemente, venceram na Categoria Spirit. Entre os Históricos a vitória foi para Filipe Barbosa-Bia Pinto, em Ford Escort MK I. Em ambos os casos, a chegada ao triunfo apenas aconteceu com a meta à vista, em muito graças ao aparecimento da chuva.
Sem que isso retire qualquer ponta de mérito aos vencedores, antes do arranque para a última das três rondes de sábado os futuros primeiros classificados encontravam-se ambos na segunda posição da respectiva categoria.
No entanto, o aparecimento da chuva e o facto de entre primeiros e segundos haver uma diferença de mais de 30 minutos na hora de passagem pelos troços, fez com que Pedro Leal-Isabel Ramalho (Mitsubishi Lancer EVO VI) e Miki Biasion-Mário Castro (Lancia 037), respectivamente, no Spirit e nos Históricos, viessem a perder nas duas últimas classificativas toda a vantagem que tinham, abrindo caminho para a vitória dos Escort.
Como um enorme campeão (que continua a ser), o resumo da situação vivida foi feito pelo próprio Biasion: "Fomos surpreendidos pela chuva na parte final da prova, numa altura em que o Lancia 037 estava com pneus para piso seco, o que nos obrigou a reduzir fortemente o ritmo. Mas os ralis são mesmo assim”.
Duas notas finais, apenas para concluir este resumo da segunda edição do RallySpirit: um aplauso para a forte adesão do público (que nem a chuva arredou) e para a excelente organização, liderada por Pedro Ortigão.


Fotos de João Paulo Martinho




Surpresas no RallySpirit Surpresas no RallySpirit Reviewed by Auto Vintage on 21.11.16 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.