Iberian Historic Endurance



Francisco Albuquerque venceu 250Km encurtados por acidente.

Os 250 Km do Estoril marcaram o final de temporada do Iberian Historic Endurance. Mais de 100 pilotos participaram num desafio exigente em que Francisco Albuquerque, em Ford GT40, se destacou, numa prova que teve o seu final antecipado devido a um acidente que envolveu cinco viaturas e levou a direcção de corrida a mostrar a bandeira vermelha.
Foram mais de 50 as formações reuniram-se no Autódromo do Estoril para a última prova do ano do Iberian Historic Endurance, cuja corrida foi precedida de uma homenagem ao antigo piloto António Peixinho.

Iniciada a prova, no primeiro turno Miguel Moreno e Mário Silva, em Porsche 911 RS, assumiram o primeiro lugar, mas com a mudança de turno, a formação lusa viu a concorrência aproximar-se e a dupla espanhola Alfredo Martinez-Jesus Fuster, também em Porsche, conseguiu passar para a liderança, embora não tivesse descanso devido à pressão feita por Max Boodie (Shelby Mustang), Francisco Albuquerque (Ford GT40) e os anteriores líderes.
Foi então que as nuvens Estoril se aproximaram do Estoril e a chuva começou a cair copiosamente. As condições no traçado tornaram-se extremamente difíceis. A equipa Luis Lopez-Alvaro Rodriguez, em Porsche, que procurava recuperar na classificação, não evitou um pião, deixando o carro atravessado em plena recta da meta. 
Houve dois automóveis que não evitaram o choque com o Porsche e a direcção de corrida suspendeu a corrida, mas já com bandeiras vermelhas mais duas equipas atingiram o Porsche 911 3.0 RS.
Com uma hora 12 minutos de prova, Francisco Albuquerque, que era então o primeira (com dois minutos de vantagem para os segundos) foi declarado vencedor, seguido de Max Boodie e (já a uma volta) de Martinez-Fuster e de Moreno-Silva.
Iberian Historic Endurance Iberian Historic Endurance Reviewed by Auto Vintage on 28.11.16 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.