Quando um Mini é novidade…



Vedeta do Salão de Nova Iorque, aparenta ser um Clássico, mas é eléctrico.

O New York International Auto Show abre amanhã as suas portas e tem um (aparente) Clássico como vedeta. Na verdade, a Mini, hoje detida pelo Grupo BMW, decidiu apresentar-se no salão nova-iorquino com um Mini tradicional, mas movido a energia eléctrica.
Segundo a marca este será um modelo único, que visa demonstrar como é possível fazer a combinação entre um "look" histórico e a mais moderna tecnologia.
Na verdade, a marca está a preparar o caminho para o lançamento, em 2019 – ano das comemorações dos 60 anos do Mini original –, do novo Mini Eléctrico, baseado no concept mostrado no Salão de Frankfurt do ano passado.
Mas, voltando ao Mini Clássico agora transformado, trata-se de um dos últimos modelos fabricados com formas e dimensões semelhantes às do original – no caso trata-se de um modelo da série Cooper British Open, do início dos anos 90 – não revelando a marca, de momento, as características técnicas deste seu exercício… de marketing.
Há quem diga, porém, que este projecto da Mini – em tudo semelhante ao que a Jaguar efectuou no passado recente com um E-Type – antevê um novo rumo para o Clássicos: a sua electrificação.

Será?






Fotos: BMW Group
Quando um Mini é novidade… Quando um Mini é novidade… Reviewed by Auto Vintage on 29.3.18 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.