Leilões do Arizona



Uma semana com vendas para todos os gostos e bolsas.


Começou hoje a chamada Semana do Arizona, o arranque do calendário internacional de leilões de automóveis antigos e clássicos. Para já, apenas se podem ver os automóveis em exposição. Entre Phoenix e Scottsdale, os leilões arrancam na quarta-feira.
Há catálogos para todos os gostos e bolsas. Não há uma ou duas, mas sim sete (!) leiloeiras com sessões marcadas para o Arizona. Das especializadas em vendas de milhões, às que vendem automóveis acessíveis.
O maior leilão, em quantidade de lotes, voltará a ser o da Barrett-Jacson, com mais de 1.500 automóveis a subirem ao palco. Maioritariamente automóveis norte-americanos, bem ao gosto de uma plateia quem assiste ao leilão como a um combate de boxe.
Na mesma linha, haverá o leilão da Russo and Steele, que este ano mudou de local, e também o da Silver Auctions, que mudou de proprietário, mas que promete dar continuidade a um ambiente pacífico e automóveis a preços moderados.
Depois há as leiloeiras que estão em crescimento, como a Worldwide Auctioneers e a Gooding & Company, onde se misturam os "muscle cars" norte-americanos e os refinados produtos da indústria europeia. A primeira tem como vedeta do catálogo um Mercedes-Benz 770 K Grosser, a segunda (com 163 automóveis) destaca um Jaguar D-Type, de 1956, que parte para além dos 10 milhões, tendo como o mais barato do leilão um VW Karmann Ghia, com base de 35 mil dólares.

Por fim surgem as "gigantes", a Bonhams – que no ano passado realizou a maior venda no Arizona –, que destaca como o mais valioso um Porsche 550A Spyder, com a base de licitação em 3,7 milhões de euros, e a RM/Sotheby's, que também tem um Jaguar D-Type (ex-fábrica) como capa do catálogo. Automóvel para ultrapassar os 12 milhões de dólares.
Leilões do Arizona Leilões do Arizona Reviewed by Auto Vintage on 15.1.18 Rating: 5

No comments:

Ad

Powered by Blogger.